Papa cria Fundação para a promoção da educação católica

28/10/2015 22:36

Com um Quirógrafo, o Papa Francisco, acolhendo um pedido da Congregação para a Educação Católica, cria “como pessoa jurídica pública canônica e como pessoa jurídica civil a Fundação Gravissimum educationis, com sede na Cidade do Vaticano”.

A Fundação se propõe a ocupar-se de “finalidades científicas e culturais voltadas a promover a educação católica no mundo”. A criação da Fundação se dá por ocasião do 50º aniversário da Declaração Gravissimum educationis sobre a educação cristã, promulgada pelo Concílio Vaticano II em 28 de outubro de 1965.

O Santo Padre agradece à Congregação para a Educação Católica pelas iniciativas promovidas em comemoração deste cinquentenário.

A Igreja reconhece que “a extrema importância da educação na vida do homem e a sua incidência sempre maior no progresso social contemporâneo” estão profundamente ligadas ao cumprimento “do mandato recebido de seu divino Fundador, que é o de anunciar o mistério da salvação a todos os homens e de instaurar tudo em Cristo” – lê-se no Proêmio da Declaração conciliar citada no Quirógrafo.

A Fundação será regida pelas leis canônicas vigentes na Igreja e pelas leis civis vigentes na Cidade do Vaticano, bem como por seu Estatuto.

Por Rádio Vaticano